MEU CHAPA

Fábio Lamachia
Geração Editorial

O escritor paulista Fábio Lamachia, insatisfeito com a rotina da cidade grande e desiludido por um amor frustrado, deixou a vida estressante de São Paulo e saiu pelas estradas. Nessa jornada em busca da liberdade e do autoconhecimento, aprendeu a viver e achou um sentido para a vida ao lado de um cão labrador. Essa emocionante história é relatada em seu novo livro Meu Chapa.

Na véspera da partida para sua nova aventura, o autor escreve: Meu rumo é a Bahia, onde quero morar e trabalhar. Procuro um porto onde fixar a base que vai me permitir viajar sem rumo pelo Nordeste, em busca do que a natureza oferece e das criaturas que ali vivem.

Durante a viagem, ele revê um casal amigo e encontra Chapa, único macho de uma ninhada de quatro irmãos. A partir daí o livro e a vida do escritor mudam, ganham novo ritmo, com as traquinagens do cãozinho.

Para completar, Lamachia encontra a sueca Jenny, o amor de sua vida, que leva Farofa, um dócil filhote amarelo de labrador. As peripécias de Chapa e o estilo coloquial de Lamachia encantam o leitor.


“Outras Palavras”, programa de literatura de Levi Bucalem Ferrari na Rádio Cultura Brasil.

Sobre levi

Poeta, ficcionista, ensaísta, sociólogo e professor universitário. Presidente da UBE - União Brasileira de Escritores, diretor do Sindicato dos Sociólogos de S. Paulo e Presidente do IPSO - Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos. Integra a Coordenação do Movimento Humanismo e Democracia e o Conselho de Redação da Revista Novos Rumos. Foi Presidente da ASESP – Associação dos Sociólogos do Estado de São Paulo, Administrador Regional de Santana -Tucuruvi (SP). Coordenador da Proteção dos Recursos Naturais do Estado de São Paulo. Livros Publicados: Burocratas e Burocracias (ensaio, SP, Ed. Semente, 1981); Ônibus 307 – Jardim Paraíso (poesia, SP, Muro das Artes, 1983); A Portovelhaca e as Outras (poesia, SP, Paubrasil, 1984). O Seqüestro do Senhor Empresário (romance, SP, Publisher/Limiar, 1998); O Inimigo (contos, Limiar – SP, 2003). Recebeu o Prêmio de Revelação de Autor da APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte e outros. Publicou diversos artigos, contos, crônicas, poemas e resenhas literárias em coletâneas, jornais e revistas.
Esta entrada foi publicada em ESTANTE e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.