A CIDADE E A INFÂNCIA

José Luandino Vieira
Cia. Das Letras.

O livro de contos A Cidade e a Infância do escritro angolano José Luandino Vieira anuncia as características que se tornariam marcas registradas deste grande autor: a) o contexto de pobreza e marginalidade em Luanda, a capital de Angola; b) a oralidade pronunciada da narrativa; c) o convívio e a tensão entre negros, brancos e mulatos. Tudo conflui para uma crítica feroz da modernização excludente.

Engajado e radicalmente inovador, Luandino ajudou a consolidar a literatura angolana no período de luta contra a colonização portuguesa, criando uma dicção literária única. Sua prosa madura é comparada à do nosso caro Guimarães Rosa, o que não é pouco. O livro traz dez narrativas breves, inspiradas na infância do próprio autor, vivida nos bairros pobres de Luanda, em companhia de meninos negros e mestiços.

O volume inclui algumas das “estórias” mais conhecidas do autor. Numa delas, “A fronteira de asfalto” um menino negro e uma garota branca são proibidos de se encontrar. Não só pela família da branca mas também pela “fronteira de asfalto” que separa os bairros ricos e os musseques de Luanda.


“Outras Palavras”, programa de literatura de Levi Bucalem Ferrari na Rádio Cultura Brasil.

Sobre levi

Poeta, ficcionista, ensaísta, sociólogo e professor universitário. Presidente da UBE - União Brasileira de Escritores, diretor do Sindicato dos Sociólogos de S. Paulo e Presidente do IPSO - Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos. Integra a Coordenação do Movimento Humanismo e Democracia e o Conselho de Redação da Revista Novos Rumos. Foi Presidente da ASESP – Associação dos Sociólogos do Estado de São Paulo, Administrador Regional de Santana -Tucuruvi (SP). Coordenador da Proteção dos Recursos Naturais do Estado de São Paulo. Livros Publicados: Burocratas e Burocracias (ensaio, SP, Ed. Semente, 1981); Ônibus 307 – Jardim Paraíso (poesia, SP, Muro das Artes, 1983); A Portovelhaca e as Outras (poesia, SP, Paubrasil, 1984). O Seqüestro do Senhor Empresário (romance, SP, Publisher/Limiar, 1998); O Inimigo (contos, Limiar – SP, 2003). Recebeu o Prêmio de Revelação de Autor da APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte e outros. Publicou diversos artigos, contos, crônicas, poemas e resenhas literárias em coletâneas, jornais e revistas.
Esta entrada foi publicada em ESTANTE e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.