FOLIA DE FEIJÃO

Luís Camargo
Ed. Ática

Como diz o ditado “é de menino que se torce o pepino”. Quero dizer que, quanto mais cedo a criança for habituada à leitura, melhor. Ela terá mais facilidade de ler durante toda sua vida. De ler, de aprender, de pensar e assim por diante.

Este é o principal objetivo dos livros infantis como este Folia de feijão do escritor Luís Camargo que desvela o fascínio da natureza através da história de um pé de feijão.

Mané Caneco vê sua semente virar um pé de feijão, dar vagens e espalhar seus grãos. A criança vai seguir a trajetória de um desses grãos em toda sua aventura de contato com a terra e os bichinhos que a nutrem, e também seu contato com a água.

Do pé de feijão nascem muitos outros grãos e tudo se repete até os feijões chegarem ao prato na grande festa da terra, quando todos os presentes dão vivas ao agricultor e ao alimento.

Livro adequado tanto no estímulo à leitura quanto no conhecimento do ciclo produtivo da agricultura e de toda a natureza: Folia de Feijão, de Luís Camargo foi publicado pela Editora Ática.

Ouça aqui o programa:

[audio:http://blogs.utopia.org.br/levi/files/0132-luis-camargo-folia-de-feijao.mp3′>0132-luis-camargo-folia-de-feija]
“Outras Palavras” é o programa de literatura de Levi Bucalem Ferrari na Rádio Cultura Brasil.

Sobre levi

Poeta, ficcionista, ensaísta, sociólogo e professor universitário. Presidente da UBE - União Brasileira de Escritores, diretor do Sindicato dos Sociólogos de S. Paulo e Presidente do IPSO - Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos. Integra a Coordenação do Movimento Humanismo e Democracia e o Conselho de Redação da Revista Novos Rumos. Foi Presidente da ASESP – Associação dos Sociólogos do Estado de São Paulo, Administrador Regional de Santana -Tucuruvi (SP). Coordenador da Proteção dos Recursos Naturais do Estado de São Paulo. Livros Publicados: Burocratas e Burocracias (ensaio, SP, Ed. Semente, 1981); Ônibus 307 – Jardim Paraíso (poesia, SP, Muro das Artes, 1983); A Portovelhaca e as Outras (poesia, SP, Paubrasil, 1984). O Seqüestro do Senhor Empresário (romance, SP, Publisher/Limiar, 1998); O Inimigo (contos, Limiar – SP, 2003). Recebeu o Prêmio de Revelação de Autor da APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte e outros. Publicou diversos artigos, contos, crônicas, poemas e resenhas literárias em coletâneas, jornais e revistas.
Esta entrada foi publicada em ESTANTE e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.