Achados e perdidos

Luiz Alfredo Garcia-Roza
Companhia das Letras

É noite de sexta-feira em Copacabana, Rio de Janeiro: Um menino de rua se apodera de uma carteira perdida; uma prostituta aparece morta, asfixiada, em sua própria cama.

O delegado Espinosa está atento para um elemento comum aos dois acontecimentos – a figura do ex-delegado Vieira.

O velho policial bebe demais, por isso perdeu a carteira. Quando bebe, se esquece de tudo. Nem ele sabe qual foi sua participação – se é que ela houve – na morte de Magali.

Um enigma que envolve meninos de rua, uma insinuante mulher sedutora de delegados, matadores de aluguel, policiais corruptos e outros elementos da escória da sociedade.

Luiz Alfredo Garcia-Roza é carioca e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Escreveu diversos livros sobre psicanálise e filosofia. Em 1997, seu romance de estréia O silêncio da chuva recebeu os prêmios Nestlé e Jabuti.

“Outras Palavras” é o programa de literatura de Levi Bucalem Ferrari na Rádio Cultura Brasil.
Esta entrada foi publicada em ESTANTE e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.