Isabel Allende – Eva Luna

Eva vive a dura luta pela sobrevivência, num contexto de caudilhos e de ditaduras militares, em que o povo nunca decide o curso dos acontecimentos.

        Por sua critica e denúncia do contexto social, o livro aproxima-se da tradição do romance picaresco espanhol. A ironia diante das condições transforma em comédia os momentos mais trágicos.

        São ingredientes que servem de ponte entre os ideais e a bruta realidade em que a protagonista vive. Quando o contraste e o ceticismo aumentam, a ironia funciona como a única forma de sobrevivência.

        Eva Luna não é apenas a história de uma mulher. Com sua arte pontilhada de descrições barrocas, ela constrói um mundo com a memória e o resgata pela palavra e pela fantasia

        A descoberta de si e de seu corpo a conduz para a realização plena da sua identidade.

        E a trama ao final revela-se otimista, demonstrando que todos necessitam colorir suas existências para acreditar num futuro de justiça e de paz.

 

 

 

“Outras Palavras” é o programa de literatura de Levi Bucalem Ferrari na Rádio Cultura do Brasil.

Sobre levi

Poeta, ficcionista, ensaísta, sociólogo e professor universitário. Presidente da UBE - União Brasileira de Escritores, diretor do Sindicato dos Sociólogos de S. Paulo e Presidente do IPSO - Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos. Integra a Coordenação do Movimento Humanismo e Democracia e o Conselho de Redação da Revista Novos Rumos. Foi Presidente da ASESP – Associação dos Sociólogos do Estado de São Paulo, Administrador Regional de Santana -Tucuruvi (SP). Coordenador da Proteção dos Recursos Naturais do Estado de São Paulo. Livros Publicados: Burocratas e Burocracias (ensaio, SP, Ed. Semente, 1981); Ônibus 307 – Jardim Paraíso (poesia, SP, Muro das Artes, 1983); A Portovelhaca e as Outras (poesia, SP, Paubrasil, 1984). O Seqüestro do Senhor Empresário (romance, SP, Publisher/Limiar, 1998); O Inimigo (contos, Limiar – SP, 2003). Recebeu o Prêmio de Revelação de Autor da APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte e outros. Publicou diversos artigos, contos, crônicas, poemas e resenhas literárias em coletâneas, jornais e revistas.
Esta entrada foi publicada em ESTANTE e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a Isabel Allende – Eva Luna

  1. levi disse:

    Thank you for subscription. If you have something to post write to me and i´ll do it with pleasure. Levi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.