VACA DE NARIZ SUTIL

Campos de Carvalho
Ed. José Olympio

Este é o nome de uma das histórias incluídas no livro Obra Reunida de Campos de Carvalho. As demais seguem esta linha satírica com nomes engraçados como “A lua vem da Ásia”; “Púcaro Búlgaro”; “Chuva Imóvel” e outras.

Mas a ironia do autor não é gratuita ou meramente anedótica. Através do ridículo, ele procura atingir o leitor ‘na sua carne, no seu cerne’.

Suas histórias irreverentes, de ironia refinada – ou muitas vezes até delirante, o autor chama a atenção da crítica e do público, com a singularidade de sua expressão. A leitura desta obra é um passeio pelo imaginário de um homem que não se conforma com a passividade diante das regras preestabelecidas de um jogo que ele renega.

A liberdade é o ‘grande caminho’ para a transcendência dessa ‘vidinha’ que o autor satiriza de forma requintada e, ao mesmo tempo, despudoradamente. Assassinar o professor de lógica, ainda que só na imaginação, reflete a vontade de romper com tudo o que nos aprisiona. E nos rouba a possibilidade de experimentar o sentido maior da existência.


“Outras Palavras”, programa de literatura de Levi Bucalem Ferrari na Rádio Cultura Brasil.

Sobre levi

Poeta, ficcionista, ensaísta, sociólogo e professor universitário. Presidente da UBE - União Brasileira de Escritores, diretor do Sindicato dos Sociólogos de S. Paulo e Presidente do IPSO - Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos. Integra a Coordenação do Movimento Humanismo e Democracia e o Conselho de Redação da Revista Novos Rumos. Foi Presidente da ASESP – Associação dos Sociólogos do Estado de São Paulo, Administrador Regional de Santana -Tucuruvi (SP). Coordenador da Proteção dos Recursos Naturais do Estado de São Paulo. Livros Publicados: Burocratas e Burocracias (ensaio, SP, Ed. Semente, 1981); Ônibus 307 – Jardim Paraíso (poesia, SP, Muro das Artes, 1983); A Portovelhaca e as Outras (poesia, SP, Paubrasil, 1984). O Seqüestro do Senhor Empresário (romance, SP, Publisher/Limiar, 1998); O Inimigo (contos, Limiar – SP, 2003). Recebeu o Prêmio de Revelação de Autor da APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte e outros. Publicou diversos artigos, contos, crônicas, poemas e resenhas literárias em coletâneas, jornais e revistas.
Esta entrada foi publicada em ESTANTE e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *