Feira do Livro de Ribeirão Preto reúne personalidades da literatura, cinema e música nesta segunda-feira (13)

Ribeirão Preto (SP), 10 de junho de 2016 – Na próxima segunda-feira (13), segundo dia de atividades da 16ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto, a programação apresenta à cidade grandes nomes da literatura, cinema, televisão e até do cenário musical brasileiro.
Para os apreciadores do cinema, este dia traz como atração no Theatro Pedro II, a partir das 20h30, o encontro “Escritor, ator e diretor de cinema, juntos para falar do livro e do filme”. O evento reúne Augusto Cury, cientista e escritor; o diretor de televisão e cinema, Jayme Monjardim e o ator Dan Stulbach. Os três vão falar sobre a adaptação para o cinema do livro de Augusto Cury “O vendedor de sonhos”.

Quem já conhece o talento do cantor e compositor, Martinho da Vila, durante a feira poderá conhecer seu trabalho no mundo literário. O cantor vai lançar seu mais novo livro. “Barras, Vilas & Amores” também no dia 13 de junho. O romance conta uma história de amor que tem como pano de fundo os lugares, personagens e canções que, em cada época, pontuaram as memórias do narrador e de seus protagonistas. O título editado pela SESI-SP Editora, tem Salão de Ideias às 18h30, no Theatro Pedro II e sessão de autógrafos na sequência.

Às 19h acontece Salão de Ideias com Antonio Carlos Sartini, superintendente do Museu da Língua Portuguesa, criado em 2006. O bate-papo acontecerá na Biblioteca Padre Euclides. O tema é “O papel do museu no universo da literatura”.

Debate sobre a Colômbia
A 16ª edição da Feira do Livro, como em todos os anos, faz homenagem a um país. Desta vez é a Colômbia, considerado o país das bibliotecas. E para discutir este tema haverá na segunda-feira o Salão de Ideias com o colombiano Norberto Garcia, professor titular do Departamento de Fisiologia da USP Ribeirão Preto, que vai discutir o tema “ Colômbia: do Eldorado aos desafios da contemporaneidade”, a partir das 14 horas, no auditório Palace (1º andar).
Outra atração dentro desta temática, acontece no auditório Meira Junior, às 16h, com o Salão de Ideias sobre Bibliotecas. Participarão José Castilho, secretário executivo do Plano Nacional do Livro e Leitura (consultor internacional na área do livro, leitura e bibliotecas); Cláudia Ricci, diretora da Biblioteca Parque dos Manguinhos e Pierre Ruprecht, diretor-executivo da SP Leituras (Associação Paulista de Bibliotecas e Leituras. O debate vai enfocar nas políticas públicas de bibliotecas no Brasil.

OUTRAS ATIVIDADES DO DIA
OBS> Todos os eventos são gratuitos. Nos espaços sujeitos à lotação, os participantes devem retirar uma senha com uma hora de antecedência. Nos demais locais, a entrada será feita por ordem de chegada.

8h30 | Theatro Pedro | Raphael Montes – Advogado e escritor, é autor de “Suicidas” (Ed. Benvirá), romance finalista do Prêmio Benvirá de Literatura 2010, do Prêmio Machado de Assis 2012 da Biblioteca Nacional e do Prêmio São Paulo de Literatura 2013; “Dias Perfeitos” (Ed. Companhia das Letras), com os direitos de tradução vendidos para 16 países e “O Vilarejo”, que mereceu comparações a Stephen King. Os três livros serão adaptados para o cinema. Atualmente, Raphael assina uma coluna mensal no Blog da Companhia das Letras e outra semanal no Jornal O Globo. Além disso, escreve roteiro para cinema e séries de TV.

9 horas | Auditório Palace | 1º andar – Jogos Florais – O pedagogo, especialista em Educação, poeta e trovador, Nilton Manuel realiza anualmente os Jogos Florais Internacionais de Ribeirão Preto e os Jogos Florais Estudantis de Ribeirão Preto e fala sobre este projeto.

9h30 | Auditório Pedro Paulo | Palace – Apresentação musical Zé Roberto, Guedes e Odílio Sanfoneiro.

10 horas | Auditório Pedro Paulo | Palace – Salão de Ideia Leio, logo escrevo –
O Salão de Ideias reúne a cientista social Regina Baptista autora dos romances “Cárcere Privado”, “Ato Penitencial”, “Fórum Virtual”, a coletânea de pequenas narrativas “Mundo Suspenso”, o livro de contos “Revista Masculina: o homem exposto”; o poeta Alfredo Rossetti e autor de “Colheita dos Ventos”, “Trem das Palavras” e “Luz de Alpendre”; a atriz e autora do livro “Adorável Pecadora”, Juliana Sfair e Nicolas Guto, autor de “Dê uma chance para a poesia”; “Um guia de como se perder” e “Você acredita em tudo o que houve”.

10 horas | Biblioteca Padre Euclides | Oficina “Jogos sobre Língua Portuguesa”
Formada em Artes pela FAAP e mestre em Artes/Teatro pela ECA/USP, desde 2007, Marina Toledo coordena o Núcleo Educativo do Museu da Língua Portuguesa.
25 vagas – Inscrições tel.: 3911.1050

10 horas | Oficina Cultural Candido Portinari | Biblioteca Padre Euclides – O drama da descolonização em imagens em movimento – a propósito do “nascimento” dos cinemas luso-africanos – Participação de Carolin Overhoff Ferreira. Ela é professora de Cinema Contemporâneo na Unifesp. Pós-doutora pela ECA/USP, trabalha com a relação entre arte e política através dos seguintes temas: cinema contemporâneo, identidade nacional e transnacional, relações coloniais e pós-coloniais, adaptação literária e dramaturgia contemporânea.

10h30 | Auditório Meira Júnior | Um Plano Municipal do Livro, Leitura e Biblioteca para Ribeirão Preto – Depois de quatro encontros com a presença de representantes de entidades culturais e educacionais, o grupo concluiu uma proposta de Plano Municipal do Livro, Leitura e Biblioteca para Ribeirão Preto. O documento será apresentado durante o evento à comunidade em um debate com as presenças de José Roberto da Silva, do Minc e Ilíria Ruiz Pilissari da Secretaria de Estado da Cultura.

14 horas | Auditório Meira Júnior – Sessão Jabuti – Ignácio de Loyola Brandão
Nascido em Araraquara, Ignácio de Loyola Brandão é escritor e jornalista, tem 43 livros publicados entre romances, contos, crônicas, viagens, infantis e infantojuvenis. Traduzido para 14 línguas, possui cinco Prêmios Jabutis em suas estantes. Escreve quinzenalmente no Caderno 2 de O Estado de São Paulo.

14h30 | Apresentação da cantora Graça Abreu | Auditório Pedro Paulo – Palace

15 horas | Oficina sobre POESIA | POESIA: PALAVRA EM POTÊNCIA MÁXIMA | Auditório Pedro Paulo – Palace
Alex Dias é poeta, ator, pesquisador e gestor de projetos culturais. Autor do livro de poemas “lírica abissal”, pela editora Urutau e tem poemas publicados em diversas antologias e revistas especializadas em literatura, no Brasil e no exterior. É produtor cultural do Sesc Ribeirão Preto e fundador e diretor de OSNAÚTICOS.

15 horas | Biblioteca Padre Euclides | Salão de Ideias e lançamento do Livro “O Caderno da avó Clara”. Susana Ventura é doutora em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa pela Universidade de São Paulo. Professora e pesquisadora das Literaturas de Língua Portuguesa.
Obs. A atividade se repete no dia 14, às 15h.

17 horas | Auditório Pedro Paulo | Palace – Felipe Vianna é formado em Gastronomia pelo SENAC-SP. Ele é um dos autores do livro Sanduíches Especiais e conta como é possível inovar a partir do tradicional sanduíche.

19 horas | Oficina Cultural Candido Portinari | Biblioteca Padre Euclides
Prosa de Saberes e lançamento do livro “A Resistência”, de Júlian Fuks, escritor e crítico literário, que em 2012 foi eleito pela revista Granta como um dos 20 melhores jovens escritores brasileiros.

19 horas | Auditório Pedro Paulo – Palace – Rotas Literárias de São Paulo – Goimar Dantas é jornalista, roteirista, escritora e mestre em Comunicação e Letras. É autora de obras de diversos gêneros, como o livro reportagem Rotas literárias de São Paulo (Editora Senac São Paulo/2014), que traça um panorama dos espaços e personagens literários da capital paulista desde o século 19 até os dias atuais.

19 horas | Cineclube Cauim – Levi Bucalem Ferrari é sociólogo e tem quatro livros publicados. Ele foi presidente da União Brasileira de Escritores e atualmente é diretor da área Internacional. Marcelo Nocelli é formado em Letras. Como escritor, estreou em 2007 com o romance “O Espúrio”. Em 2009, publicou o romance policial “O Corifeu Assassino”. Possui diversos contos e crônicas publicadas em revistas e sites especializados. Há cinco anos é cronista da Revista ZN. Em 2008, recebeu o prêmio Lima Barreto – Novos talentos da Literatura e publicou “Reminiscências” em 2013.

19 horas | Jardim da Biblioteca Altino Arantes | também nos dias 15 e 16 – Sarau Artístico do Curso de Letras do Centro Universitário Barão de Mauá
Com a participação de estudantes matriculados nos vários anos do curso de Letras do Centro Universitário Barão de Mauá, o Sarau Artístico apresentará, com muita irreverência, textos dos autores homenageados na Feira do Livro.

OBS Os dois jovens que participaram deste lançamento serão anunciados como curadores da Feira do Livro
19h30 | Auditório Meira Júnior | Centro de debates literários – Fundação do Livro e Leitura lança Centro de Debates – Gabriela B. Pedrão é bibliotecária e doutoranda em Ciência da Informação pela Unesp. Começou com seu canal no Youtube como uma forma de divulgar e incentivar a leitura. O projeto deu certo e hoje o canal ‘É o último, juro!’ conta com resenhas semanais e discussões que vão de literatura à Biblioteconomia.
Renan Rocha, 21 anos, é estudante de Publicidade e Propaganda no Centro Universitário Moura Lacerda e o responsável pelo canal “Se Livrando”. Há três anos no universo literário, Renan tem como foco, no canal e no dia-a-dia, o incentivo à leitura, apresentando livros de maneira descontraída, o que já o proporcionou reconhecimento no maior telejornal do país.

Sinopse
A Feira Nacional do Livro faz parte do calendário cultural de Ribeirão Preto e região. Trata-se de uma feira reconhecida nacionalmente e consolidada como um dos mais importantes eventos do interior e uma das sete maiores feiras literárias da América Latina.
A 16ª edição da Feira Nacional do Livro de Ribeirão, como em todos os anos, faz homenagem a um país. Desta vez é a Colômbia, considerado o país das bibliotecas. Quanto aos escritores celebrados, a premiada Lygia Fagundes Telles é a escritora do ano, atual membro da Academia Brasileira de Letras e da Academia das ciências de Lisboa. Na categoria infantojuvenil, a autora homenageada é Maria Clara Machado, escritora e dramaturga de sucesso entre crianças e adolescentes. O filósofo, escritor e educador Mario Sergio Cortella é o destaque na categoria autor educação e a premiada Rita Mourão, atual integrante da Academia Ribeirãopretana de Letras, é a homenageada na categoria autor local. Como patrono, a Feira indicou o empresário e Fundador do Grupo Rodonaves, João Naves.
Nesta edição, o evento mantém seus pilares associados aos princípios da democratização do acesso ao livro e à leitura ao realizar uma programação de atuação diversificada com: saraus, contação de histórias, exposições de livros, salão de ideias, palestras, oficinas, música, dança, teatro e outras modalidades.
A programação completa é gratuita e acessível a todos os públicos. Uma das características desta agenda cultural é incluir atividades para diversos locais da cidade, como escolas, instituições, bibliotecas, praças, Ongs, universidades, museu, shoppings e centros culturais na periferia. O evento atende não só a cidade de Ribeirão Preto, mas também em cerca de 25 municípios da região.

Sobre a Fundação
A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade – hoje considerada a segunda maior feira a céu aberto do país, realizada tradicionalmente no mês de junho.

A diretoria é eleita para um mandato de dois anos, sob acompanhamento do Conselho Fiscal. Com nova diretoria, a Fundação se prepara para implementar uma nova política de atuação em Ribeirão Preto e em outras cidades, com projetos na área de formação de professores e mediadores de leitura.

REALIZAÇÃO
O Ministério da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura e Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto apresentam a 16ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto com Patrocínio Ouro do BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Patrocínio Prata da Gás Brasiliano e Savegnago. Como mantenedores são a ACIRP, Shopping Iguatemi. Patrocínio Bronze da AB Triângulo do Sol, Banco do Brasil, Pedra Agroindustrial, RTE Rodonaves e Itaú Unibanco. Conta também com o patrocínio da Caixa, Centro Universitário Estácio Uniseb e Mineração Jundu. Apoio Cultural do SESC – Serviço Social do Comércio, SENAC, SESI-SP Editora, Santa Helena, Centro Universitário Barão de Mauá, CBL – Câmara Brasileira do Livro, Instituto CPFL, Saraiva, UNAERP. Tem como parceiros culturais Heurys, Livraria Travessa, Monreale Hotel, NW3 Comunicação, Verbo Nostro, São Martinho, EPTV, Jornal A Cidade, CBN e G1. Apoio da Secretaria da Cultura, Secretaria do Turismo, Secretaria da Educação, Câmara de Ribeirão Preto, Fundação Dom Pedro II e Theatro Pedro II, MARP – Museu de Arte de Ribeirão Preto, Centro Cultural Palace, Instituto do Livro, Cine Clube Cauim, Atlântica Simbios, Biblioteca Altino Arantes e Fundação Educandário, Colégio Marista, Lotérica Galeria do Ribeirão Shopping, Coderp, Daerp, Transerp, Bombeiros, Guarda Civil, Polícia Militar, Polícia Civil, SINCOVARP, AMAECO, Evolua, Criar, Recicla Bytes, POIESIS e Oficina Cultural Candido Portinari. Realização: Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, Governo do Estado de São Paulo – Secretaria da Cultura, Ministério da Cultura – Governo Federal.

Informações para a Imprensa:
Verbo Nostro Comunicação Planejada – (16) 3632-6202 / 3610-8659
Jornalistas responsáveis: Luciana Grili (16) 99152 2707, Andréa Berzotti (16) 991386185, Valter Jossi Wagner (16) 99152 2700
Colaboração: Julio Fontes

Sobre levi

Poeta, ficcionista, ensaísta, sociólogo e professor universitário. Presidente da UBE - União Brasileira de Escritores, diretor do Sindicato dos Sociólogos de S. Paulo e Presidente do IPSO - Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos. Integra a Coordenação do Movimento Humanismo e Democracia e o Conselho de Redação da Revista Novos Rumos. Foi Presidente da ASESP – Associação dos Sociólogos do Estado de São Paulo, Administrador Regional de Santana -Tucuruvi (SP). Coordenador da Proteção dos Recursos Naturais do Estado de São Paulo. Livros Publicados: Burocratas e Burocracias (ensaio, SP, Ed. Semente, 1981); Ônibus 307 – Jardim Paraíso (poesia, SP, Muro das Artes, 1983); A Portovelhaca e as Outras (poesia, SP, Paubrasil, 1984). O Seqüestro do Senhor Empresário (romance, SP, Publisher/Limiar, 1998); O Inimigo (contos, Limiar – SP, 2003). Recebeu o Prêmio de Revelação de Autor da APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte e outros. Publicou diversos artigos, contos, crônicas, poemas e resenhas literárias em coletâneas, jornais e revistas.
Esta entrada foi publicada em ACONTECEU. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *